sábado, 25 de fevereiro de 2012

Breve resumo do testemunho de vida dos meus gêmeos

Meus filhos Deivid e Gabriel nasceram no dia 19 de maio de 2010 no hospital de Bom Jardim-RJ
Eu estava com 34 semanas se gestação, tive que interromper a gravidez por causa da minha pressão arterial que chegou a 26 por 18, sofri uma pré-eclampse.
segundo os médicos eles nasceram bem, apenas com desconforto respiratório...
ficaram na encubadora com oxigênio, os pediatras diziam que estava tudo bem com eles. Após 6 horas de vida o pediatra de plantão Dr. Jorge Amaral junto com a Dra. Élida viram que nada estava bem com meus filhos, começaram a ter hipertensão pulmonar. De madrugada foi uma correria, meus gêmeos tinham piorado muito e foram 3 horas de muita tensão pra mim, eu não podia ir vê-los.. por fim o médico passou no corredor e olhou pra mim e fez um sinal de negação com a cabeça e disse "tá difícil mãe" e saiu.
Eu não conseguia dormir, fiquei em Espírito de oração o tempo todo, até que amanheceu e eu pude ir ver meus filhos.. Eles estavam cheios de tubos e com a cabeça enfaixada, dava dó de ver eles nesse estado, tão pequeninos e indefesos.. mais Deus estava ali com Eles o tempo todo!
A pediatra chegou e veio conversar comigo, ela disse que iria transferir os bebês pois estavam em estado grave, e que havia apenas uma vaga para o Deivid em Cabo Frio-RJ. Eu fui para perto das encubadoras e comecei a clamar pela vida dos meus filhos, pedi muito a Deus que colocasse uma vaga na UTI Neonatal para o Gabriel também. Quando foi de noite a pediatra veio me comunicar que havia conseguido 2 vagas no Hospital e Clínica de São Gonçalo-RJ na Perinatal para os meus filhos... Deus ouviu meu clamor!
no dia seguinte meus filhos foram transferidos na UTI Neonatal do Corpo de Bombeiros, mais quando eles chegaram, veio apenas 1 encubadora com aparelhos e 1 respirador apenas.. e foi o Gabriel que foi nessa UTI neonatal, o Deivid ia no colo da médica sem nenhum aparelho.. Deus é fiel em todo o tempo... Ele colocou Dra. Giovana Abib no caminho, ela viu a ambulância da UTI e resolveu ir até lá para ver o que estava acontecendo, ela sabendo que ñ havia respirador para o Deivid ofereceu um respirador manual que estava no carro dela para meu filho... então o Deivid foi entubado e saíram as pressas dali de Bom Jardim para a Perinatal de São Gonçalo RJ. Eu não podia ir junto, ainda estava internada com a pressão muito alta, dr. Lauro foi me ver naquela mesma noite e me liberou. Fui pra casa sem meus filhos... isso me doía muito... Quando foi 00:40h eu liguei para o Hospital onde meus filhos foram transferidos, e eu não tive boas notícias.. a pediatra disse assim pra mim " Mãe, seus filhos estão em estado gravíssimos e podem entrar em estado de Óbito a qualquer momento, o Deivid teve 3 paradas cardio-respiratórias, estamos usando Adrenalina e sulfatantes em seus bebês, Eles não devem passar dessa noite! ". Desliguei o telefone e comecei a orar a Deus, não perdi minha fé em nenhum instante e eu acreditava que Deus ia fazer um milagre e Ele fez!
Eu pude ir ao Hospital ver meus filhos... Eles resistiram "aquela noite" Glória a Deus! meus filhos ficaram em estado de coma induzido durante 5 dias sem nenhuma melhora.. mas Deus estava na frente de tudo, mostrando que com Ele tudo pode acontecer.. o médico diz "vai morrer" e Deus diz "VAI VIVER"... 5 dias se passaram e dia após dia meus filhos foram melhorando.. primeiro saíram da adrenalina e depois cada dia um aparelho ia sendo retirado, durante a internação tiveram que passar por drenagem nos pulmões, e fazer vários exames, os pediatras chegaram a dizer que meus filhos teriam sequelas gravíssimas por causa das paradas cardiorrespiratórias, eles perderam muito peso durante esses processos de internação, Gabriel chegou a pesar  1,100 e Deivid 1,200kg ... e pra Glória de Deus com mais 13 dias na UTI eles tiveram alta, Gabriel com 1,900kg e Deivid com 2kg, e eu me lembro do que a médica me disse " seus filhos são verdadeiros milagres de Deus".. Eles foram pra casa com quase um mês, graças a Deus...
Uma semana depois eles tiveram pneumonia e bronquiolite e foram internados no hospital de Bom Jardim por uma semana.
Eles com quase dois meses voltaram a ser internados no Raul Sertã em Nova Friburgo com pneumonia, bronquiolite e atelectasia.. com 20 dias de internação o Deivid fez uma cirurgia de emergência de hérnia encarcerada com risco de perfurar o intestino, o Gabriel operou 15 dias depois e durante a cirurgia sofreu parada cardiorrespiratória e foram ali 6h e meia no centro cirúrgico, durante esse tempo eu clamava a Deus pra cuidar do meu filho... e assim tiveram alta depois de 25 dias... Não posso esquecer de mencionar o nome de pessoas abençoadas por Deus Pastor Iodlanier Shuindt e sua esposa Maria Antonia Schuindt que estiveram orando comigo no Hospital e também toda a Igreja ao qual levantaram clamor a Deus.. Graças a Deus deu tudo certo!
Tudo estava perfeito aos meus olhos durante 3 meses com meus meninos... mais não estava, pois não estavam sendo criados na casa de Deus! e assim Deus permitiu um acidente com meu filho Gabriel.. com 7 meses ele encapotou com o carrinho de bebê no morro onde moro, isso foi na véspera de ano novo de 2011, ele fraturou o crânio e e no raio x acusou coágulos no cérebro e ficou internado por 3 dias, graças a Deus ele repetiu o exame e não deu mais nada!
Eu precisei passar por tudo isso pra perceber que o que estava faltando era Jesus na minha vida... e foi ai que voltei pra casa do Senhor e tudo mudou...
meus filhos estão ai, sem nenhuma sequela.. com muita saúde e sendo criados na presença do meu Deus Vivo de Milagres!

Algumas fotos:
















Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
© Layout by Marilha 2012-Marilha Freitas. Exclusivo